Corda na decoração? Sim!

Versátil, o material pode ser transformado em itens inusitados para todo o lar!

Texto Redação | Produção Jennifer Ohana | Fotos Alan Teixeira | Adaptação web Tayla Carolina

Fácil de manusear, simples de achar e com precinho camarada. Quer algo mais versátil que a corda para incrementar a decoração do seu lar? Disponível em variados materiais, é possível utilizar o elemento para criar os mais diferentes itens que ajudam a decorar ou até mesmo organizar o lar.

Para te mostrar que fazer suas peças não é um bicho de sete cabeças, trouxemos ideias de fácil execução, que dependem na maioria das vezes apenas da própria corda e de cola quente. Ficou difícil encontrar uma desculpa para não fazer, não é mesmo?

Por isso, arregace as mangas e prepare itens personalizados que tenham tudo a ver com os moradores. Em lojas populares você encontra diferentes tipos de corda, como a de sisal ou a de algodão – que está à venda em várias versões, como o cru e o cor-de-rosa. Anote aí as dicas.

Seja criativo

Dois artigos de corda de sisal decoram a mesa de jantar: a bandeja e o porta-rolhas. Para fazer foi simples: um EVA foi recortado no formato desejado para a bandeja, o espelho sem moldura foi fixado no centro e a corda envolveu a peça.

Na última faixa, deixe uma folga para criar as alças. O pote de mantimentos foi reutilizado e ganhou cara de objeto decorativo quando recebeu a corda em todo o bocal.

Organizadores

Para fazer o cesto aberto, não foi preciso nenhuma base, apenas a corda e a cola. A dica é começar pelo fundo, apertando bem para ficar mais rígido. O pote com tampa foi feito reaproveitando uma lata de biscoitos como apoio, isso porque, com a parte interna de metal, é possível utilizar até na cozinha para guardar os mantimentos. Deixe a borda sem corda, para a tampa encaixar e vedar o pote. Já o peso de papel ganhou base de cimento, seguindo uma tendência da decoração.

Mais ideias

Neste quarto, a corda deu vida para a sapateira, o porta-bijuteria e o cachepô todos confeccionados a partir do material. O nicho de madeira recebeu furos feitos com serra-copo. Quanto maior o móvel, mais “prateleiras” é possível fazer para os sapatos. Depois de furar, é só transpassar a corda e prender com um nó bem forte – lembre-se, quanto mais esticado, melhor.

 

Para ver mais fotos e dicas, compre a revista Decorar Mais Por Menos – Ed. 84